Conforme ficamos mais velhos, as pessoas de nosso convívio param de nos dizer o que fazer e somos forçados a fazermos por nossa conta. Isso pode ser complicado, especialmente pelo fato de que ficar sem fazer nada é muito fácil.

Sabemos que a tecnologia e os confortos da vida moderna são bastante atrativos para uma boa dose de preguiça diária.  É aí que entramos no campo da procrastinação. O ditado “não faça amanhã o que você pode fazer hoje” é incentivador, mas muitas vezes pouco aplicado na prática, seja no trabalho, na faculdade, em tarefas de casa, ou qualquer outra atividade.

Tomar as rédeas da situação e executar uma tarefa ainda é difícil para muita gente. Se esse é o seu caso, vamos apresentar aqui 9 truques para aumentar sua disciplina pessoal. Será um grande passo para sua evolução, fazendo você se sentir menos culpado e mais produtivo.

Faça Listas

Ficar dizendo que vai fazer as coisas é fácil, mas quando você coloca isso no papel, é possível visualizar o que você realmente precisa fazer e começar a agir. Escreva as tarefas que você precisa executar em uma pequena lista, e coloque ela em um local de fácil acesso. Pode ser na geladeira, em um mural, na sua mesa de café. Embora existam muitos aplicativos para gerenciar tarefas, tente evitá-los, pois uma vez que você fecha o programa pode acabar não abrindo posteriormente. Por isso, é importante estar com a lista sempre à vista. Não tenha medo de encará-la.

Comece com tarefas pequenas

Uma das principais razões que as pessoas não executam tarefas é justamente o trabalho imenso que vão ter. Isso desencoraja muitas pessoas até mesmo a começarem, já que vai levar muito tempo e podem acabar nem terminando. Isso é realmente frustrante. Entretanto, se você dividir uma tarefa grande em várias tarefas pequenas, pode ficar mais fácil de assimilar. Além disso, ela fica mais convidativa de ser realizada. Por exemplo, ao invés de dizer “vou escrever um livro”, comece pelas pequenas partes. Liste primeiro uma ideia para ele. Em seguida, dê nome aos protagonistas. Escreva características deles. A seguir, escreva o primeiro capítulo. É possível perceber como o percurso sendo realizado aos poucos é muito mais simples de ser executado do que visualizar já a tarefa final. Portanto, comece aos poucos – mas comece!

Monte uma agenda

Seguindo o mesmo sistema da lista de tarefas, a agenda possibilita você programar em quais momentos do dia elas serão realizadas. Isso organiza melhor a disponibilidade de tempo que cada tarefa vai tomar e produz uma meta a ser seguida. Seu dia no trabalho acaba se tornando mais produtivo. Além disso, ele passa mais rápido, graças à sensação de que você está com o tempo ocupado.

Faça uma triagem

Organize tudo o que você precisa fazer em ordem de prioridade. Se determinada tarefa é mais fácil de realizar, ajuste ela conforme sua personalidade. Caso você goste de fazer algo mais simples primeiro, escale elas logo no início e encare as difíceis posteriormente. Todavia, se você é daqueles que gostam de acabar as tarefas árduas primeiro para depois ter um certo alívio com tarefas mais simples, tudo certo, também. O importante é organizar e determinar, claramente, o que é simples e complicado.

Crie uma rotina para suas manhãs

As primeiras horas da manhã é que vão dar o tom de como vai ser o seu dia. Por isso, é fundamental que você as aproveite da melhor forma possível. Para algumas pessoas, executar tarefas difíceis logo no começo da manhã pode ser prejudicial para o resto do dia. Se esse é o seu caso, opte por começar com algo mais leve. De qualquer forma, é importante que você crie uma rotina. Ela deve ser, preferencialmente, seguida siga à risca. Uma boa dica para aproveitar sua manhã desde o momento em que você acorda: não inicie nada sem que antes você já tenha se alimentado corretamente e, se possível, feito algum exercício. Realizar essas atividades assim que acorda serão benéficas para o seu trabalho. Você vai ficar mais disposto e motivado.

Elimine as distrações

Uma das grandes dificuldades dos dias de hoje é ficarmos desconectados. O tempo todo a internet nos avisa das notícias, dos placares dos jogos de futebol, de um e-mail que acabou de chegar, de um vídeo novo disponível, de uma mensagem de algum amigo ou familiar, etc. É difícil não ficar refém deste tipo de facilidade. Mas, para que você consiga resolver suas tarefas, é fundamental eliminar esse tipo de distração. Deixe apenas para quando você já tiver terminado o que precisa fazer. Assim você aproveitará melhor o seu tempo – e também o seu tempo de lazer, já com a cabeça descansada por ter realizado a tarefa.

Ouça música

Pode parecer uma forma de distração como as outras elencadas acima, mas existem estudos que apontam músicas como estimulantes para o cérebro. Além disso, elas ajudam a melhorar a produtividade. Outra vantagem da música é que ela camufla os sons irritantes do cotidiano, como portas batendo, telefones tocando, passos no corredor… Vários escritórios ao redor do mundo já permitem que seus funcionários utilizem fones de ouvido. Dica: músicas instrumentais auxiliam a manter a concentração. Faça uma playlist conforme sua preferência. Aproveite para fazer suas tarefas ao som de suas canções favoritas.

Estabeleça metas – com recompensas e “punições”

Pode parecer infantil, mas a maneira mais simples de aumentar sua produtividade é algo que muitos pais sempre utilizaram: recompensas e punições. Caso estabelecido que não consiguir realizar uma tarefa vai acarretar em não fazer atividade prazerosa, você começa a se policiar. Se possível, combine algo com algum amigo, já que punições auto impostas são bem mais fáceis de serem ignoradas. Caso haja mais alguém envolvido, fica mais simples. Por exemplo, se você não terminar uma tarefa, seu amigo “sequestra” seu celular por um dia. Em caso de trabalho realizado, você sai com os amigos ou dá um presente a si mesmo. Aos poucos você vai se acostumando que é muito melhor ser recompensado do que punido, não é mesmo?

Faça de tudo isso um hábito

Agora que você já tem as dicas, é hora de colocá-las na prática e fazer disso um hábito. Gradativamente, sua cabeça vai se acostumando com a ideia de que executar tarefas que anteriormente poderiam ser chatas ou desprezíveis são possíveis de serem realizadas de maneira corriqueira. Aos poucos, você vai se sentir mais confortável e mais acostumado. É tudo uma questão de hábito. E, para que esse hábito exista, ele precisa ser colocado em prática. Que tal começar hoje mesmo?

RECOMENDAMOS


COMENTÁRIOS




Homem na Prática
Queremos falar de forma descontraída sobre o universo masculino sem qualquer estereótipo. Prazeres, Família, Trabalho, Finanças, Futuro e Gastronomia. Papo aberto, franco e direto!