Algumas das praias da Austrália estão entre as melhores do mundo, satisfazendo aos mais variados perfis: surfistas e praticantes de esportes aquáticos, famílias, banhistas pacatos, naturistas, pescadores, exploradores… Todas com a característica de serem bem diferentes das praias do Brasil. Avisos de águas-vivas, pedras, desnível, mudança abrupta no sentido das correntes, além da eventual aparição de tubarões, deixam sempre uma sensação de perigo à vista. Por isso, é preciso sempre “um pé atrás” para mergulhar de cabeça nas ondas do paraíso…

Considerando que a costa do país tem mais de onze mil praias a disposição, fica difícil ranquear as melhores, mas há certo consenso de que as imperdíveis sejam as seguintes:

Four Mile Beach  – Como diz o próprio nome, são quatro milhas de areias, em Port Douglas, Queensland, ao longo de uma das mais espetaculares rotas costeiras do país. Envolta por uma serra com densa vegetação, a praia fica na rota para explorar a Grande Barreira de Corais, um dos maiores cartões postais da Austrália.

Bells Beach Localizada em Victoria, na cênica Great Ocean Road, é considerada o paraíso do surf! Palco o Rip Curl Pro Bells Beach, o mais antigo campeonato de surf profissional do mundo, por conta de suas excelentes ondas e dos ventos. Essa pequena e histórica praia tem um astral único.

Bondi Beach – Em New South Wales, Sydney. A praia fica a poucos minutos de Sidney e é famosa por agregar todos os tipos de banhistas, o que nem sempre é uma coisa boa. De tão procurada, a praia ganhou um programa de TV, onde são mostrados os resgates feitos por salva-vidas, entre uma e outra confusão que acontece no local.

Byron Bay– Em New Souh Wales, fica essa praia de ondas fortes e ventos constantes, reduto de muitos resorts. Cercada por uma bela mata, a praia é a preferida de muitos viajantes.

Cable Beach – Em Broome, Western Australia. 22 quilômetros de areias fofas e um mar turquesa inacreditável de águas calmas trouxeram a reputação mundial de paraíso tropical à praia. Perfeita para famílias e quem gosta de caminhadas.

Cottesloe– Para quem curte mergulho, surf, natação ou um simples banho de mar, essa praia em Perth, Western Australia, é uma ótima alternativa. Nos arredores, belas casas e estabelecimentos antigos proporcionam uma atmosfera nostálgica e acolhedora, que deixam o viajante com vontade de se mudar para lá de mala e cuia!

Gold Coast – Em Queensland, a região da “costa do ouro” inclui praias para surf, como a Surfers Paradise e para badalação e paquera, como a Main Beach. A região é um santuário ecológico, com infra-estrutura para passar os dias e esquecer a vida. Também dividem espaço, parques temáticos e centros comerciais.

Hyams Beach – Em Jervis Bay, New South Wales, fica a praia com a areia mais branca do mundo! Com cafés e restaurantes logo ali, é a praia ideal para famílias.

Palm Beach – Para cruzar de frente com os ricos e famosos, é fundamental um pulo a esta praia nas proximidades de Sydney, em New South Wales. Cercada por mansões e restaurantes luxuosos, é um lugar para quem quer ver e ser visto!

Ninety Mile Beach Pode parecer ”muita areia pro seu caminhãozinho” e provavelmente é mesmo! São quase 20 quilômetros de praias e dunas em Gippsland, Victoria, a menos de três horas de Melbourne. O mar é bom pra peixe, para surfistas e praticantes de kitesurf, por causa dos ventos fortes. Também se reúnem por lá, muitos pescadores, canoístas, velejadores, nadadores…

Whitehaven Beach – Fica em Whitsundays, Queensland, próximo à Grande Barreira de Corais, na quase deserta Whitsunday Island, essa praia de quase seis quilômetros de extensão. Para chegar neste paraíso de mar turquesa é preciso uma pequena viagem de ferry, partindo de Airlie Beach. Com muitos resorts, a ilha é de fato o paraíso, com opções de mergulho, esportes aquáticos, passeios a cavalo, compras e tudo mais o que a imaginação instigar a fazer…

Melbourne tem muitos encantos, mas as praias da cidade são mais fotogênicas do que interativas. Com exceção dos que praticam kitesurf, o mar vive à deriva, com o perdão do pleonasmo. Águas geladas e povoadas por águas-vivas, pedras e mais pedras, além de suas areias levemente argilosas, reduzem as possibilidades dos banhistas. Nos dias de sol, muita gente estende a toalha na areia e fica “lagartixando”, mas nada muito interessante de se ver ou fazer, além disso.

St Kilda Beach é o ponto da badalação, entre as descoladas Acland e Fitzroy St. No final da tarde, muita gente aproveita para correr na beirada da praia; outros aproveitam para caminhar pelo píer, onde é possível ver alguns pinguins entre as pedras.

Em Sandringham existem praias quase desertas, com muita natureza preservada. Há trilhas para caminhadas, mesas para piqueniques e restaurantes no entorno. Brighton Beach é uma destas praias, o ponto preferido de famílias e seus cachorros, ao pôr do sol. E este sim, é o maior trunfo das praias de Melbourne, o pôr do sol, visto de qualquer uma de suas despretensiosas, mas sempre convidativas praias!

RECOMENDAMOS


COMENTÁRIOS




Homem na Prática
Queremos falar de forma descontraída sobre o universo masculino sem qualquer estereótipo. Prazeres, Família, Trabalho, Finanças, Futuro e Gastronomia. Papo aberto, franco e direto!