Eu percebi que eu era o único lutando, enquanto você, só tentava!

Não foi fácil superar você, o apego é uma faca de dois gumes, mas aprendi que nos relacionamentos é melhor partir o próprio coração e se salvar de desmoronar .

Lutei por você e para que o relacionamento desse certo, mas depois percebi que se continuasse lutando, estaria lutando contra mim mesmo, porque nos momentos silenciosos que me abstive de todos e pensei nesse relacionamento, aquela vozinha dentro da minha cabeça me disse que não é o que você quer, não é como deveria ser, você não está feliz, e quando eu parei e refleti, eu era o único lutando, enquanto você tentava.

Acho que quanto mais velho você fica, você procura por aqueles que podem confortá-lo e estar lá para você, em oposição a alguém com quem você pode se divertir ou apenas matar o tempo.

Você quer segurança, sabendo que quando todo mundo sair da sua vida, essa pessoa vai entrar, e eu nunca senti isso, eu senti que você estava na linha de frente das pessoas que estão constantemente me decepcionando. Então eu saí, e posso ter olhado para trás algumas vezes, mas não era nada mais do que pura nostalgia.

Acho que é isso que é engraçado nos relacionamentos, você acha que quer algo de um relacionamento específico apenas para perceber que quer algo totalmente diferente.

Não sei se é porque você conhece melhor, ou porque nos momentos mais sombrios, quando você está sozinho na cama pensando no sentido da vida, você passa a entender que tudo o que você sempre quer é ser amado um pouco mais, e entendido um pouco melhor, e às vezes, você não pode simplesmente manter essas duas verdades em segredo e quando você as desvenda, você quer ter certeza de que seu parceiro as abraçará em vez de fugir.

Você estava sempre “ocupado” fazendo outras coisas; às vezes absolutamente nada.

Quando vi o quão incrível você era para seus amigos, percebi que você é capaz de ser um homem generoso – mas não comigo.

Como você explica isso? Não sei. Talvez seja aí que a coisa toda de ‘não deveria ser’ entra em jogo. Nós simplesmente não extraímos o melhor um do outro. Por quê? .

Obrigado por me ensinar que não importa o quanto eu tente mudar para agradar alguém, ele ainda pode me rejeitar.

Então, acho que agradeço por abrir o caminho para que eu saiba com quem devo estar, o tipo de homem que devo procurar e o que quero de um relacionamento.

Não quero mais ser o único lutando, quero alguém que queira lutar comigo.

*DA REDAÇÃO HP. Traduzido e adaptado do TC. Foto de Allef Vinicius no Unsplash.


VOCÊ CONHECE O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO HOMEM NA PRÁTICA?

O UNIVERSO MASCULINO EM UM SÓ LUGAR.

RECOMENDAMOS






Queremos falar de forma descontraída sobre o universo masculino sem qualquer estereótipo. Prazeres, Família, Trabalho, Finanças, Futuro e Gastronomia. Papo aberto, franco e direto!