Homem constrói banheiro para sem-tetos tomarem banho quentinho

Essa história é de aquecer os corações mais gelados. O pai da engenheira Mariana Cerne, de Belo Horizonte, Minas Gerais, decidiu construir um banheiro móvel para que as pessoas em situação de rua pudessem tomar um banho bem quentinho nesse frio.

A engenheira contou ainda que seu pai passou meses construindo o banheiro móvel, com todo carinho para os sem-tetos: “Ele me ensina todos os dias que o que importa é a intenção do coração”, afirmou.

Direitos preservados

“[É] uma ‘engenhoca’ tão simples que vem trazendo tantos sorrisos nas noites frias de BH”, contou a filha na legenda do vídeo que publicou em sua conta no Instagram.

Ela contou que seu pai lhe deu uma grande lição ao falar: “Filha, banho é dignidade”, contou ela.

Condições precárias

As noites frias de Belo Horizonte têm registrado temperaturas mínimas de até 13ºC, como nesta sexta-feira, segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet).

Mariana destaca esse dado em sua publicação, justamente para valorizar a ação de seu pai.

“Um sabonete, água quente, uma roupa limpa e cheirosa, ah, e um chocolate no final (ele faz questão), coisas que simplesmente temos, sem perceber o valor”, completou.

O frio não está sendo fácil para os sem-tetos e toda ajuda para eles é necessária. Quando achamos que não podemos fazer muitos porque estamos sozinhos na luta, aparece uma história como essa para nnos lembrar que sempre é possível fazer algo positivo pelo nosso próximo. Fazer o bem aquece nossos corações. E nessa época, precisamos aquecer quem está sentindo frio.

Assista:

A linda ação foi divulgada pelo O Tempo e o SNB abriu uma vaquinha para ajudar na contrução de mais unidades móveis, se você puder e quiser ajudar é só clicar no link.


VOCÊ CONHECE O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO HOMEM NA PRÁTICA?

O UNIVERSO MASCULINO EM UM SÓ LUGAR.

RECOMENDAMOS






Queremos falar de forma descontraída sobre o universo masculino sem qualquer estereótipo. Prazeres, Família, Trabalho, Finanças, Futuro e Gastronomia. Papo aberto, franco e direto!