Maguila melhora com remédio derivado da maconha: “Tô firme”

Foi o óleo de canabidiol – extrato derivado da maconha – que trouxe esperanças para o ex-boxeador José Adilson Rodrigues dos Santos, o Maguila e para a família dele. “Tô firme”, disse o campeão brasileiro em vídeo postado no Instagram. (veja abaixo)

Há anos ele enfrenta uma luta contra a Encefalopatia Traumática Crônica, doença causada por repetidos golpes na cabeça. Com os antigos medicamentos, a família e os cuidadores percebiam uma estagnação no tratamento do ex-pugilista e, por isso, resolveram tentar uma nova substância, por indicação médica.

A esposa de Maguila, Irani Pinheiro, disse que em dois meses de tratamento com o óleo de canabidiol (CBD) isolado, o ex-lutador já apresenta avanços, o que tem deixado todos muito felizes e esperançosos.

Ela conta que a expressão do marido mudou com o novo tratamento. “Ele tinha um olhar de infinito, sabe? Eu não sei como explicar isso. E com essa medicação eu percebi que ele olha mais no olho, está mais atento. Isso foi muito bom para ele”.

Indicação médica

O óleo de canabidiol foi indicado pelo neurologista Renato Anghinah, médico de Maguila há mais de oito anos e especialista em concussões cerebrais.

Renato receitou a nova substância após notar a estagnação no tratamento do ex-boxeador.

“Optamos por entrar com o canabidiol já tem uns dois meses. Não é uma cura, mas traz benefícios no sentido da qualidade de vida. Deixa a pessoa mais tranquila, com uma sensação de bem-estar maior”, explicou o médico.

Irani lembra que o marido não tinha reações com os antigos medicamentos. “A doença tem picos. Tinha semana em que ele estava bem, semana que não. Ele precisa de muita medicação, então ficava mais sonolento, preguiçoso, apático, não queria acordar, sair da cama ou andar”, contou.

Internado

Atualmente com 62 anos, Maguila vive há três anos no Centro Terapêutico Anjos de Deus, clínica em Itu, no interior paulista.

Ele tem uma rotina regrada e permeada de atividades que remetem ao auge da vida como lutador: toma café pela manhã, faz fisioterapia, assiste a vídeos de lutas antigas — dele mesmo e de colegas de ringue – e conta histórias, como as da lendária luta contra Evander Holyfield e a amizade com o narrador Luciano do Valle.

Maguila publicou no perfil dele no Instagram, um vídeo comentando sobre como está ‘tranquilo e é favorável’ ao óleo de canabidiol. Veja:

*Capa: Maguila iniciou tratamento com medicamento derivado da maconha há 2 meses. – Foto: reprodução Instagram

*DA REDAÇÃO HP. Com informações SNB


VOCÊ CONHECE O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO HOMEM NA PRÁTICA? O UNIVERSO MASCULINO EM UM SÓ LUGAR.

RECOMENDAMOS






Queremos falar de forma descontraída sobre o universo masculino sem qualquer estereótipo. Prazeres, Família, Trabalho, Finanças, Futuro e Gastronomia. Papo aberto, franco e direto!