A amargura, um estado crônico de ressentimento, é uma das emoções humanas mais tóxicas e destrutivas. Quem é amargo é hostil com a vida, consigo mesmo e com as pessoas ao seu redor.

Esse sentimento é causado por uma inabilidade da pessoa em lidar com a raiva, frustração, irritação e tristeza, ou seja, os sentimentos negativos. Quem é amargo acaba sendo uma vítima de uma série de acontecimentos ruins e não soube lidar bem com o que houve.

No artigo a seguir, você vai conferir 8 características das pessoas amargas. Esperamos que esse texto sirva para você refletir sobre pessoas que conhece com essas características e também é um convite para você identificar comportamentos tóxicos da sua personalidade, para que possa sempre evoluir e melhorar. Vamos nessa?

8 características das pessoas amargas

 

Pessoas amargas não perdoam os outros

A maioria das pessoas acha que perdoar significa esquecer que algo aconteceu. Há também as pessoas que acreditam que perdoaram algo, mas na verdade, não.

O verdadeiro perdão é se permitir aceitar que algo aconteceu e se livrar do peso de sentir mágoa por ter sido ferido e aceitar a ideia de que é possível ser feliz apesar do fato ocorrido.

O que acontece com as pessoas amargas é que elas guardam rancor e focam seu ressentimento e raiva em quem as magoou.

É necessário muita resiliência para não se curvar diante das coisas ruins da vida, dos desapontamentos que enfrentamos e que temos que lidar diariamente. Mas não é saudável pensar em vingança, pois sentimentos ruins apenas fazer a sua ferida doer mais.

Pessoas amargas não se perdoam

Pessoas amargas não se perdoam, não aceitam que erram e não querem ou não conseguem perdoar seus próprios erros. Sentem culpa, vergonha e arrependimento por erros que cometeram há meses, anos e talvez até décadas.

Isso é um motivo por pessoas amargas serem sempre estressadas. A visão pessimista que têm do mundo cria uma dinâmica em que elas acabam vendo tudo por uma lente negativa e acabam acreditando que não merecem se sentir bem.

Pessoas amargas são desencantadas

Pessoas realmente amargas não se importam com os outros. Elas são tão desencantadas com a humanidade e esperam tão pouco do mundo que as cerca, que acabam descontando sua raiva até em quem ainda não as machucou diretamente.

É muito comum que quem é amargo acredite piamente que os outros querem machucá-lo e magoá-lo de alguma forma. E aí, num instinto de autoproteção, acabam atacando e evitando criar laços verdadeiros.

Pessoas amargas são invejosas

Para pessoas assim, a grama do vizinho é sempre mais verde e vão sempre desejar o que não têm. Isso acaba causando um sentimento de inadequação que é expressado por ações ou pensamentos negativos.

Esse sentimento de inadequação pode fazer com que o invejoso seja estúpido com quem o cerca, principalmente se perceber que outras pessoas estão tendo mais sucesso na vida que ele.

Pessoas amargas ficam felizes com a desgraça alheia

Como vimos, pessoas amargas não gostam quando os outros são felizes ou têm sucesso. Elas acham que seu jeito mal humorado e rabugento funciona e que ser uma pessoa triste é o jeito normal de levar a vida. Ficam irritadas com quem é feliz e positivo e a desgraça alheia faz com que fiquem contentes.

Lá no fundo, eles odeiam ser lembrados que é possível levar uma vida diferente, mais leve e plena, então a felicidade alheia incomoda. O oposto disso, a miséria humana, faz com que se sintam bem, porque o sentimento de desgraça lhes é familiar.

Pessoas amargas precisam de atenção constante

Pessoas amargas são muito dramáticas e fazem um grande estardalhaço por tudo, pois precisam de atenção. Querem ser reassegurados que suas vidas são injustas e se sentem mais leves criando uma grande comoção.

Pessoas amargas acreditam que não têm controle sobre suas vidas

Essas pessoas se recusam a acreditar que são capazes de controlar o modo como lidam com as coisas que acontecem na vida e que, se fizerem escolhas e tiverem sentimentos positivos, irão atrair coisas boas.

Estão tão acostumadas com as coisas ruins, que não sabem nem como fazer para começar a atrair o que é bom. Então apenas aceitam o que a vida vai colocando em frente, sempre vendo tudo pelo lado mais negativo.

Pessoas amargas não são gratas

A gratidão é um sentimento que a maioria das pessoas é bastante familiar. No entanto, as pessoas amargas não encaram o ato de ser grato com naturalidade. Para elas, não é nada fácil. É uma tarefa quase impossível ficarem felizes com o que têm e expressar agradecimento por algo.

 

Você conhece alguma pessoa amarga? Conte para a gente nos comentários!

RECOMENDAMOS


COMENTÁRIOS




Homem na Prática
Queremos falar de forma descontraída sobre o universo masculino sem qualquer estereótipo. Prazeres, Família, Trabalho, Finanças, Futuro e Gastronomia. Papo aberto, franco e direto!