SE VOCÊ NÃO SE CURAR DO QUE TE FERIU, VOCÊ VAI FERIR OUTRAS PESSOAS!

Ele simplesmente se cansou. Ele sabia dos meus traumas e de tudo o que passei nos meus antigos relacionamentos, que inclusive, foram as causas da minha ansiedade e insegurança de hoje.  

Ele tentava entender o meu lado e se esforçava pra me deixar segura, e quanto mais ele me dava a mão, mais eu queria o braço todo.  

Comecei pedindo pra ver o celular dele, pensando que isso me deixaria melhor. Ele deixava, afinal, queria paz na relação. Não satisfeita, eu queria controlar todos os passos dele, onde ele estava, com quem estava, que horas ia e voltava.  

Eu passei do ponto da preocupação e fui direto pra paranoia.

Não existia confiança da minha parte, por mais que eu o amasse. Eu já fui ferida, então acababei por ferir quem não merecia.


Até que cheguei ao ponto de pedir a senha de suas redes sociais, pois para uma péssima paranoica, uma letra virava um livro de motivos para desconfiar.  

Uma curtida, um sinal de que estava estranho, tudo era motivo para que eu surtasse e brigasse.  

Eu vivia desconfiada dele e enxergava problema em tudo.

Projetei nele tudo o que sofri nos outros relacionamentos, e nem sequer dei a chance de confiar nele e ficar em paz por dia sequer durante os dois anos em que estivemos juntos.  

Ele se esforçava pra que eu relaxasse, mas foi em vão, e ele cansou. E quando cansou, ele colocou um ponto final.  

E foi aí que entendi, eu estava quebrada por dentro e feri ele com meus cacos, mesmo sem querer.  

E foi preciso que o resto se quebrasse dentro do meu coração, pra eu perceber que finalmente preciso me curar e jogar os cacos do passado no lixo. 

* DA REDAÇÃO HP. Trecho do livro “Em um relacionamento abusivo com a ansiedade” – O livro queridinho do Instagram que vai te livrar da ansiedade e insegurança, além de te dar de presente sessões gratuitas com psicólogos e muito mais. CLIQUE NESSE LINK PARA ADIQUIR O SEU.   


VOCÊ CONHECE O INSTAGRAM E O FACEBOOK DO HOMEM NA PRÁTICA?

O UNIVERSO MASCULINO EM UM SÓ LUGAR.

   

RECOMENDAMOS






Queremos falar de forma descontraída sobre o universo masculino sem qualquer estereótipo. Prazeres, Família, Trabalho, Finanças, Futuro e Gastronomia. Papo aberto, franco e direto!